Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sofia com fibra

Sofia com fibra

Fibromialgia e o seu pior efeito em mim.

images (8).jpg

 

Hoje vou vos falar sobre alguns dos sintomas da Fibromialgia, em especial o primeiro que mais me afecta e digo que mais, porque todos os dias 365 dias por ano o sinto desde há muitos anos.

 "Nevoeiro no cérebro" (Fibrofog) - Dificuldade de concentração, e dificuldade de retenção de novas informações são sintomas comuns da Fibromialgia que seriamente interferem com o funcionamento diário.  Pode ser facilmente distraído e este sintoma parece corresponder à gravidade da dor (como se o cérebro é consumido pela dor, o que limita a sua capacidade de realizar tarefas cognitivas). 

Não sei quando começou até porque só recentemente soube que isto era um sintoma de Fibromialgia, até então já havia pensado muita coisa tal como:

Que andava cansada e precisava de vitaminas e vai daí pumba, vitaminas para dentro. 

Que podia ser falta de descanso e cheguei a tomar calmante para dormir.

Não conseguia decorar nada na escola mesmo estudando chegava aos testes e já não me lembrava de metade, achava que era burra e pronto. Tanto é que não continuei a estudar, precisamente por não acreditar em mim nem nas minhas capacidades intelectuais. 

E este sintoma afecta a minha vida diariamente, mesmo nas coisas mais simples do quotidiano, por exemplo, cada vez que me falta alguma coisa em casa tenho de apontar logo, se não esqueço-me de comprar, quando me dão algum recado esqueço de o entregar.

Já para não falar na relação familiar que muitas vezes é abalada por me esquecer de fazer as coisas. Como por exemplo, me esquecer de tirar o peixe ou a carne de manhã antes de sair de casa para descongelar, alterando o que já estava programado.

Esqueço-me de entregar as autorizações na escola por causa desta ou outra actividade que o meu filho tem de fazer.

Enfim, esqueço-me, esqueço-me e esqueço-me.

De vez em quando é uma coisa, agora praticamente todos os dias é difícil de gerir emocionalmente, porque abala a minha auto confiança e a minha segurança, sentindo-me inútil e incapaz de fazer a coisa mais simples do mundo.

Não é por mal que se zangam comigo eu sei, mas também não é por mal que eu faço isto e para mim é sem dúvida o sintoma mais desgastante.  

Já para não falar do Branco que sinto na cabeça, é como se sentisse tudo mexido cá dentro e a concentração é nula, conversas sérias são um grande problema para mim.

Mesmo quando quero argumentar depois de uma descução não dá, metade do que a outra pessoa disse já foi, (o que para a outra pessoa até da jeito porque me vence pelo cansaço)já não me lembro e visão muitas vezes turva o que ainda pior a a minha concentração.

 

Depois vem a minha amiga Fadiga - Esgotamento pode ser um dos sintomas mais incapacitantes da Fibromialgia. Você pode sentir como se os seus braços e pernas estão sobrecarregados por blocos de cimento e que o seu corpo está tão drenado de energia que cada tarefa exige grande esforço. 

É difícil querer fazer as coisas e o meu corpo não reagir á primeira, tudo o que parece simples, certos dias tornam-se complicado. Como por exemplo todas as manhã arranjar os meus dois filhos para sair de casa e chegar a horas á escola, ou no final do dia quando já não tenho energia e a minha vontade é deitar-me vestida e tudo, ainda existe tanto para fazer.

 

   Dificuldades em dormir - Não é apenas sobre adormecer. Incómodos repetitivos impedem-no de atingir o sono profundo e restaurador, assim que acorda sente como se tivesse sido atropelado por um camião.  Um estudo do sono durante a noite pode mostrar sintomas de "despertares repetidos", mas um distúrbio do sono específico não pode ser encontrado. 

Como por exemplo o que me aconteceu ontem, sonhei a noite toda! 

Sonhei que tinha sido sequestrada por um tipo qualquer que se dizia ser pai do meu filho, filho esse que nem eu reconhecia, sonhei que tinha uma casa com o meu marido, no "cu de Judas" com piscina e tudo mas que nem escadas tinha, era em terra batida.

E foi o suficiente para acordar exausta e me ter obrigado a mudar os planos (coisa que não posso ter, sai sempre furo) e já não fui correr como tanto queria ir. 

E é muitas vezes o suficiente para muitas variações de humor e de disposição, prejudicando a relação familiar, como por exemplo a falta de paciência, para filhos e marido e muito mais.

Felizmente a dor não é tão assídua como estas três, vem de vez em quando, muito por minha culpa por vezes é certo, sempre que exagero nos trabalhos forçados depois pago a factura. 

E tento ao máximo manter-me activa e fazer sempre que posso a minha corrida ou caminhada ou o que der, porque durante estes 12 anos de convivência com a doença aprendi o que me faz bem ou não. 

Ainda assim todos os dias descubro coisas novas a respeito dela e a meu respeito, é como se nos descobríssemos todos os dias um bocadinho.

 

Também quero!!

 

Caramba! Esta coisa dava um jeitaço para os meus desenrasques. 

Magic Retouch de L'Oréal Paris 

Caso queiram oferecer uns quantos aqui á mãe que já perdeu a conta aos brancos, ( Obrigado meus filhos por contribuírem para este fenómeno.) agradecia imenso.

Como diz o outro" quem não chora não mama" e se as "outras" bloggers recebem era de valor eu também ter um miminho. 

Vá pensem com carinho! ;)

Estou viciada nesta música..... internamento já!

 

 

Caramba os meus gostos musicais são mais incertos que o estado do país. 

Então não é que adoro esta música! 

Depois de a ouvir tantas vezes graças aos mais pequenos cá de casa, que já não me deixam muita alternativa a não ser ouvir e ver os desenhos animados, confesso que fiquei fã. 

É uma música tão suave e que fica no ouvido, o que contraria o que se ouve nestes canais.  

A versão original é dos brasileiros Palavra Cantada, esta versão foi "traduzida" para o nosso português, mas francamente gosto mais. 

As vozes tugas são muito boas. 

Parabéns, gosto muito.  

 

 

Correr no paraíso...

Este fim de semana finalmente consegui tirar um bocadinho para ir correr, coisa que já não fazia desde a minha última corrida.

Fui para uma zona que adoro, porque é muito bonita, chama-se Bioria e fica situado entre Aveiro e Murtosa, mais propriamente no concelho de Estarreja.

O Baixo Vouga Lagunar (BVL) tem varios percursos com uma vasta biodiversidade faunística e florista onde se destacam por exemplo a Garça-vermelha, Garça-pequena, Garça-real, Águia-sapeira, Águia-pesqueira, Tartaranhão-azulado, Pica-pau-malhado, Guarda-rios, Morcego-hortelão, Galinha-de-água, Colhereiro, Felosa-unicolor, Guarda-rios, Lampreia, Enguia, Rã-focinho-ponteagudo, Lagarto-de-água, raça Marinhoa, Lontra, Texugo, Raposa, Morraça, Salicórnia, Pilriteiro, caniço, junco, Salgueiro, amieiro, entre outros.

É um paraíso no meio do paraíso, com quilómetros e quilómetros de paisagem natural, que nos transmite uma calma imensa. 

Fui sozinha, como o faço habitualmente e custou-me imenso.

De facto duas semanas sem correr faz o seu estrago e ainda não foi desta que fiz os 5 km seguidos e nem andou lá perto.

Ainda assim, mesmo depois de ter ficado com o coração a chegar à boca consegui carregar baterias, correr faz-me bem à cabeça e ao corpo sem dúvida. 

Depois do cansaço sinto o corpo mais enérgico e revitalizado. 

Correr faz-me bem! 

20160521_185248.jpg

20160521_190454.jpg

20160521_185501.jpg

20160521_185918.jpg

20160521_190508.jpg

 ( As fotos foram tiradas em andamento, não estão grande coisa, para a próxima se quiserem eu faço a coisa como deve de ser.)

 

Carago! Somos mais que isto!

andre_silva_vs_braga_final_taca_220516.jpg

 

Este menino foi sem dúvida o Homem do jogo e sabe o que é jogar á Porto e conta-se pelos dedos de uma mão os que também sabem.

O Porto é garra!

O Porto é paixão!

O Porto é tatuar no coração o emblema do clube e não com "cuspe"! 

O Porto é união! 

Ser do Porto é sofrer até ao ultimo minuto.

É gritar até que a voz doa.

É arrepiar até ao "pintelho"!

É chorar nas vitorias.

É abraçar o tipo do lado que não conhecemos de lado nenhum, quando marcamos golos. 

Todos os jogadores deveriam de levar com o hino do F. C. Porto do inicio ao fim dos treinos, só para interiorizarem o que é ser Porto!

 

              Hino do F.C.Porto    

                                                                                                                               

Oh, meu Porto, onde a eterna mocidade

Diz à gente o que é ser nobre e leal.

Teu pendão leva o escudo da cidade

Que na história deu o nome a Portugal.

 

Oh campeão, o teu passado

É um livro de honra de vitórias sem igual.

O teu brasão abençoado

Tem no teu Porto mais um arco triunfal

Porto, Porto, Porto, Porto

Porto, Porto, Porto, Porto

Porto, Porto.

 

Quando alguém se atrever a sufocar

O grito audaz da tua ardente voz

Oh, Porto, então verás vibrar

A multidão num grito só de todos nós

 

Oh campeão, o teu passado

É um livro de honra de vitórias sem igual

O teu brasão abençoado

Tem no teu Porto mais um arco triunfal

Porto, Porto, Porto, Porto

Porto, Porto, Porto,Porto

Porto, Porto

Que nervos!!! Mas que nervos de jogo do meu Porto, eu que nunca faço tal coisa, até as unhas foram á vida! 

Caramba eu sei que somos boas pessoas, mas será que era mesmo preciso entregarmos a taça aos outros, ainda por cima para aquele treinador que não nos diz nadinha.

 

Carago! Somos mais que isto!

Pág. 1/3