Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sofia com fibra

Sofia com fibra

Chegou o momento de dizer adeus por aqui.

Quando começei com o blog foi num rasgo de coragem ou até mesmo de estupidez, tinha muita coisa para dizer e outras tantas para desabafar.

Na verdade o que eu precisava era desabafar, desabafar com o mundo "escondida" por traz de um écran e sem ter ninguém que me julgasse porque disso eu já estava recheada.

Mas tanto ficou por dizer... tantos textos que escrevi e que não saíram da "gaveta" por covardia, covardia essa que teimava em ficar. 

Eu bem que tentei armar-me em forte e passar uma imagem de durona e com "fibra" mas a minha fibra está muito longe de se notar a olho nu. 

"Sofia com fibra "! Não, eu sou a Sofia e que tem um rótulo para o resto da vida, mas fibra não é. 

Tentei passar para vocês a mulher que queria realmente ser. A mulher que lida com naturalidade com a fibromialgia e com as situações do dia a dia, mas ainda estou muito longe disso.

E por isso mesmo neste momento estou a ser seguida por uma psicóloga, para aprender a gerir as minhas emoções e a lidar com a minha aptidão para depressões. 

Acredito que tenho muito mais para dar do que cargas negativas e mau humor. 

Por isso decidi que chegou ao fim esta minha curta passagem por este mundo da blogosfera, foi curto eu sei, mas foi intenso, pelo menos para mim. Eu bem que tentei ser uma bloguer com fibra mas não deu. 

No momento era o que estava a precisar e até que me fez bem, desabafei e senti o vosso calor humano, mas convenhamos que a minha aptidão para a escrita não era das melhores. 

Definitivamente a minha praia não são as letras, o mais próximo de escrever ou ler foi as letras das músicas que gosto de ouvir e cantar. 

Neste momento quero me dedicar exclusivamente a mim e à minha família, não se preocupem, não me vou matar nem hibernar, vou só deixar o ritmo das coisa seguir sem pressas sem pressão e sem satisfações a dar. 

Quero alinhar tudo o que está fora do sítio e conhecer-me melhor, no fundo todos deveriam de o fazer, por vezes não nos conhecemos de verdade. 

Queria agradecer a todas as pessoas que me seguiram e pela forma carinhosa com que encorajaram a continuar. 

Quero agradecer ao SAPO por me ter mimado de vez em quando com os destaques e por ter me deixado fazer parte desta família. 

Queria também desejar a todos os bloguers a maior das sortes e desejar tudo de bom, mas em especial a alguns que tinham sempre uma palavra a dar, foram fantásticos comigo e levo-os no coração. 

Não se preocupem que volta e meia virei espreitar o que se por aqui diz, mas desta vez com a "anônima" Sofia, sem fibras ou meias fibras. 

 

Muitos beijinhos da Sofia que um dia já teve fibra e que agora é só é tão somente a Sofia. 

 

 

 

solteirafeliz-300x200.jpg

 (Imagem da internet)